Nenhum banner cadastrado


Seus Direitos

Dicas jurídicas sobre diversos temas de direito de família em linguagem acessível para uma decisão segura.

Conte seu Caso

Quem nunca passou por um problema familiar? Sua experiência pode ajudar outras famílias.

Clique Aqui
blog
Prazer em te conhecer, Pai

O ator Caio Blat passou doze anos privado de conviver com seu filho Antonio. Sua ex mulher, Ana Ariel, insatisfeita com [...]

Leia Mais
A Guarda Compartilhada reduz o valor da pensão? E agora, Lúcia?
 

Blog

  • por Lucia Deccache
  • Enquete
  • O que vc faria se amasse alguém fora do casamento?
    Loading ... Loading ...
União Estável
1 de julho de 2013
Tell me more… Feliciano
Enviado por Lucia Miranda

O ator pornô e apresentador de TV, Alexandre Frota, declarou publicamente que já teve uma relação homoafetiva com o deputado Marco Feliciano, da bancada evangélica, membro da comissão de direitos humanos na Câmara dos Deputados e que se destaca por atos contra os gays.

Com a brincadeira, o ator, que se diz “pentassexual”, deu motivo para o deputado propor uma ação indenizatória por danos morais por ofensa à honra… se lhe resta alguma.

Bom, mesmo em declarações verdadeiras sobre a intimidade do casal, se houver um contrato de confidencialidade, a divulgação da relação pode acabar em multa milionária. Foi o que ocorreu com o ator John Travolta e seu piloto de avião particular que, no estilo Frota, divulgou em rede de televisão o seu relacionamento amoroso com o ator. Só que lá não era de mentirinha, e o ator que surpreendeu com a mudança de comportamento, do dançarino do filme Grease para o machão de Pulp Fiction, teria sido a prova mais evidente da malfadada “cura gay”. Não curou porque não é doença…

Nenhum comentário
Faltam caracteres.

aviso

Divisão de Patrimônio, União Estável
16 de maio de 2013
O custo da aliança de Xuxa
Enviado por Lucia Miranda

Xuxa ganhou alianças de seu novo affair, o ex-desconhecido ator Junno Andrade. Dois dedos polegares vestidos com os anéis viraram notícia no Brasil, mas ainda não chegaram a ser destaque do Jornal Nacional como o nascimento de Sasha.

O que importa é que a rainha dos baixinhos está feliz e não está nem aí para formalidades de sua relação: “Ai, minha gente. Que casamento ou noivado? É uma aliança de compromisso, só… presente dele. Fofo, né?”.

O problema foi o “só”. Compromisso público, contínuo e duradouro com intenção de constituir família é união estável e, em tese, de tudo o que Xuxa adquirir daqui pra frente, a metade será dele.

Bom, se ela não pretender partilhar os bens, melhor parar de ficar brincando de ‘junnar’ (verbo criado por Xuxa) e celebrar logo um contrato de união estável estabelecendo o regime da separação de bens. Apesar dessa providência preservar o patrimônio contra eventual rompimento, não tem o mesmo efeito na herança. Vamos esclarecer: de acordo com a lei civil, em caso de morte de um dos companheiros que deixou filho só do falecido, o sobrevivente herdará metade dos bens comprados durante a união que couber a esse filho exclusivo.

Enquanto isso, o sorridente artista fica publicando as argolas no Instagram. Fofo, né…?

Nenhum comentário
Faltam caracteres.

aviso

União Estável
5 de abril de 2013
Infelizciano
Enviado por Lucia Miranda

Marco Feliciano serviu para fechar os olhos da sociedade e abrir portas de armários. Ao assumir uma inócua comissão sem poder de decisão, abafou a nomeação dos condenados no mensalão, José Genoino e João Paulo Cunha, para a importantíssima Comissão de Constituição e Justiça e Cidadania.

É claro que o infeliz Feliciano não combina com direitos humanos, não só pelas afirmações que induzem ao racismo e à homofobia, mas pela forma com que vende um lugar no céu para fiéis que sequer têm um lugar ao sol. Lamentável.

Com a polêmica, houve uma avalanche de protestos gays fazendo surgir dois extremos: de um lado, o lobo com pele de cordeiro, de outro, o veado com pele de onça… Melhor manter o nível no estilo cantoras de MPB, pois se o debate virar baixaria – beijaços sem amor – cairemos nas garras do lobo.

Pensem comigo: o Supremo Tribunal Federal já equiparou as uniões homoafetivas às uniões estáveis; o Superior Tribunal de Justiça acaba de determinar a competência das varas de família para julgar os conflitos decorrentes dessas uniões; o Conselho Nacional de Justiça já determinou aos Tribunais de Justiça Estaduais que regularizem o casamento gay perante seus cartórios, o que já se tornou possível em vários Estados. Qual a importância desse tal Feliciano? Acorda Brasil!

Faltam caracteres.

aviso

  1. Gabriel Monteiro disse:

    Concordo com vc, na Justiça as conquistas foram grandes. Mas quando vc coloca na fala de um deputado palavras de homofobia, isto gera sim, violência. Violência nas ruas. Gays apanhando e morrendo porque algumas pessoas acham que podem fazer isso. Gay é coisa de demônio então posso bater, posso matar porque Deus está do meu lado. E o mesmo acontece com negros, nordestinos, terreiros de candomblé sendo atacados e destruídos. É isso que se está falando. Da vida cotidiana. Se todo mundo que sofre preconceito fosse buscar a Justiça a cada agressão seria uma prova de que a Lei está fraca, sem efeit

    • Mario disse:

      De quem violência tu tá falando? Quantos homosexuais morreram pelas mãos de evangélicos influenciado pelo dito pastor?
      Antes de falar presta atenção nos dados.
      O próprio movimento LGBT já publicou os dados sobre assassinatos de homosexuais e na lista de assassinos não consta um único evangélico, pelo contrário, a maioria morreram em docorência de crimes passionais praticados pelos próprios parceiros.

  2. Arno Frank Schropfer disse:

    Não sou a favor de Feliciano no cargo e nem contra, o causa espanto nessa polêmica é que a viadagem levou séculos para assumir o que são e agora querem que todo o mundo engula a sua opção e mais, querem um status social que nenhum outro brasileiro tem. Tenha dó! Não sou homofóbico, por enquanto, mas, a continuar estes exageros, já, já serei mais um. Está me dando nojo profundo disso tudo…

  3. Guilherme de Oliveira disse:

    Eu concordo com Marco Feliciano pois essa sociedade precisa abrir os olhos praas coisas q estao acontecendo, em q mundo gays podem constituir uma família se pra ter filho é preciso de um homem e uma mulher!!! epor outro lado nao sao as atitudes dele q encomodam verdadeiramente e sim por ele ser um pastor evangelico que fala o que pensa sem medo das consequencias porque protege a idéia q familias devem ser constituidas por pai, mãe e filhos… as pessoas estao tão acomodadas com a falta de boas atitudes que quando um aparece e toma uma atitude dessas fazem de tudu pra ir contra essas idéia.