Nenhum banner cadastrado


Seus Direitos

Dicas jurídicas sobre diversos temas de direito de família em linguagem acessível para uma decisão segura.

Conte seu Caso

Quem nunca passou por um problema familiar? Sua experiência pode ajudar outras famílias.

Clique Aqui
blog
O custo de ser princesa

 O polêmico príncipe Harry se encantou pela atriz Meghan Markle e sua carreira pode estar com os dias contados caso ela [...]

Leia Mais
A Guarda Compartilhada reduz o valor da pensão? E agora, Lúcia?
 

Blog

  • por Lucia Deccache
  • Enquete
  • O que vc faria se amasse alguém fora do casamento?
    Loading ... Loading ...
Filiação, Guarda e Visitas
28 de setembro de 2017
O tesouro que a ganância não vê
Sérgio Cabral e Adriana Ancelmo perdem o convívio com os filhos
Enviado por Lucia Miranda

Sérgio Cabral e Adriana Ancelmo estão presos. Deixarão de conviver com seus filhos de 11 e 14 anos de idade, que teriam o direito de conviver em família se seus pais não tivessem praticado tantos crimes em busca de riqueza. A ganância os levou a perder o verdadeiro e mais precioso tesouro: a convivência com os filhos.
No caso, o casal continua com o poder familiar, mas,  como foram privados dos cuidados devido à prisão, a prole ficará sob a guarda de pessoa idônea, em regra, um parente próximo.
Vale deixar claro que o direito de guarda do filho é apenas um dos atributos do poder familiar que é a capacidade de ser pai ou mãe.
Quando o processo criminal chegar ao fim e não houver mais recursos, Sérgio e Adriana podem até ter o poder familiar suspenso, se a pena definitiva ultrapassar dois anos.
E para piorar, podem até perder essa capacidade e serem riscados como pais de seus filhos, se o Ministério Público Estadual entender que o ex-governador e a ex-primeira dama praticaram atos contrários à moral e aos bons costumes… será, hein?
Bom, o Brasil está deixando de ser Pasárgada e, pelo visto, quem vai pagar o pato são os filhos dos amigos do rei.

por Lúcia Miranda

Nenhum comentário
Faltam caracteres.

aviso